Posts

Motorista embriagado e sem habilitação foge e é preso em São Martinho

Foto: PRE

Por volta das 18h30min do último domingo (22) em patrulhamento pela ERS 210, a guarnição da Polícia Rodoviária Estadual de Santo Augusto visualizou um veículo Gol, de cor Branca, emplacado em Cerro Largo, trafegando em “zig-zag” no km 74, sentido Trevo da BR-468 a São Martinho.

Quando abordado, o mesmo entrou em fuga, colocando ainda mais em risco os usuários da rodovia, sendo que a 11 km de distância foi possível a abordagem no km 65, quando o veículo caiu em um bueiro.

Os policiais constataram que o condutor não era habilitado, sendo que o mesmo realizou o teste do etilômetro e como resultado deu 0,52 mgl e na contra prova 0,51 mgl.

Foi dado voz de prisão ao condutor e o mesmo foi conduzido a DP de São Martinho.

Observador Regional

Preso em SP suspeito de lesar pelo menos 50 vítimas do RS que buscavam cidadania italiana

Prejuízo estimado pela Delegacia do Consumidor é de aproximadamente R$ 1,5 milhão

Um suspeito de ter lesado pelo menos 50 vítimas no Rio Grande do Sul que pretendiam obter a cidadania italiana foi preso preventivamente na noite desta terça-feira (17), em Piracicaba (SP). O gaúcho Robert Martini Delazeri, 39 anos, teria causado prejuízo estimado em aproximadamente R$ 1,5 milhão, em um período de três anos.

Segundo a investigação, algumas das vítimas foram para a Itália, com a promessa de assessoria especializada, conforme constava em contrato assinado com a empresa do investigado, a DHG. Ao chegarem lá, no entanto, as pessoas não encontravam o que havia sido firmado no documento. Delazeri mantém a empresa desde 2012, conforme inquérito da Delegacia do Consumidor do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic). Os problemas, no entanto, teriam começado há cerca de três anos.

O delegado Joel Wagner investiga o caso há oito meses. Segundo ele, os problemas teriam começado quando Delazeri contraiu dívidas até perder o crédito com contatos que obtinha na Europa para assessorar clientes em hospedagem, transporte, encaminhamento de documentos e até com a própria língua estrangeira. Apesar disso, o delegado explica que o suspeito continuou prestando os serviços, mas sem cumprir com os acordos.

— O que era dívida envolvendo um processo legal, passou para vantagem ilícita e agora, no nosso entendimento, configura um golpe nestas pessoas porque o serviço não foi completo, concretizado. E é sempre a mesma desculpa, alegando problema com terceiros, aumentando prazos, mas sempre fechando novos contratos. Acredito que o número de vítimas seja muito maior do que 50 pessoas — explica Wagner.

Delazeri tinha dois imóveis na Itália, conforme apurou a investigação. A Polícia Civil descobriu que ele pretendia viajar para a Europa e que tinha uma passagem aérea comprada para o próximo dia 19, com destino a Milão. O carro dele — um Edge — foi apreendido nesta terça-feira e poderá ser usado para restituir valores às vítimas. Os crimes configurados são contra as relações de consumo e de estelionato —  ele já tem antecedente criminal por este crime.

Em Caxias do Sul, onde o homem tinha base antes de sair do Estado, 15 vítimas se uniram e ingressaram com um processo judicial contra o investigado. Wagner diz que cada uma das pessoas lesadas, em média, entregou R$ 30 mil para o suspeito fazer assessoria especializada. Uma das vítimas, conforme a polícia, chegou a repassar cerca de R$ 100 mil para a empresa após se desfazer de emprego e bens.

Outra vítima, que foi para a Europa no ano passado, teve prejuízo de R$ 45 mil — entregou R$ 20 mil a Delazeri e R$ 25 mil foram gastos com serviços que a empresa do suspeito deveria ter prestado, conforme constava no contrato, mas não o fez. Algumas pessoas teriam perdido os documentos que haviam reunido com o objetivo de ter a cidadania.

O alerta da polícia é para que as pessoas busquem a cidadania por meio do consulado italiano, ainda que seja mais burocrático e demorado. Em caso de já ter sido lesado por este ou por esquema semelhante, o Deic disponibiliza o telefone para contato: 0800 510 2828.

Fonte: ZH

Brigada Militar prende autor de furto de motocicleta em Santo Augusto

 

Foto: BM

Na tarde deste domingo (15/09), por volta das 13h20min uma guarnição da Brigada Militar prendeu o autor de um furto de motocicleta.

A prisão ocorreu logo após os Policiais Militares serem informados do furto, sendo o autor preso no bairro Getúlio Vargas.

Após foi conduzido para Delegacia de Polícia para registro.

 

#BM

Procurado da justiça é preso pela BM em Três Passos

Foto: BM

Na manhã deste domingo, dia 15 de setembro de 2019, uma guarnição da Brigada Militar prendeu um jovem procurado da justiça.

A prisão ocorreu no centro da cidade de Três Passos, sendo encaminhado ao Presídio local.

 

#BM

Rádio Metrópole

Dois homens são presos acusados de estupro de vulnerável em Chiapetta

Prisões ocorreram nesta terça
Nesta terça-feira, dia 10 de setembro de 2019, a Delegacia de Polícia de Chiapetta desencadeou a Operação Fragilidade dando cumprimento a duas prisões preventivas por crimes de estupro de vulnerável, registrado no órgão no último mês.

A operação, coordenada pelo delegado William Garcez, efetuou a prisão de J. L. A. S., nascido em 21-06-1993, o qual foi capturado na cidade de Braga, e J. W. M., nascido em 29-11-1999, o qual foi capturado na cidade de Chiapetta.

Participaram da operação, além dos agentes policiais da Delegacia de Chiapetta, agentes das Delegacias de Braga, Coronel Bicaco e Redentora. A Brigada Militar também prestou apoio à Polícia Civil no cumprimento dos mandados.

O delegado ressaltou que os crimes contra a dignidade sexual, notadamente o estupro de vulneráveis, que compreende a prática de atos sexuais com crianças e adolescentes menores de 14 anos, fazem parte dos crimes com primazia na investigação, sendo uma das metas da PCRS.

Por fim, o delegado agradeceu todos os policiais (civis e militares) que participaram das ações de hoje, bem como os órgãos do Ministério Público e do Poder Judiciário pela agilidade na expedição dos mandados de prisão e pela parceria que tem se estabelecido nesses cinco meses que está a frente de delegacia de Chiapetta.

Fonte/Foto: PC

Rádio Metrópole

BM prende por descaminho em Tiradentes do Sul

 

Foto: Divulgação

Na manhã desta sexta-feira, dia 06 de setembro de 2019, por volta das 10h20min uma guarnição da Brigada Militar prendeu dois homens por descaminho.

A prisão ocorreu após abordagem de um veículo na BR-468, sendo apreendidos diversos produtos de origem estrangeira.

Por orientação da Receita Federal do Brasil, os produtos e o veículo foram apreendidos.

#Com informações da BM

Rádio Metrópole

Homem é preso em flagrante após praticar furto qualificado em Horizontina

 

Foto: BM/Divulgação

A Brigada Militar de Horizontina registrou furto qualificado e prisão em flagrante por volta das 4h da madrugada desta sexta-feira, dia 6 na Rua Uruguai, centro da cidade.

O elemento preso foi visualizado durante patrulhamento carregando sacolas em atitude suspeita, sendo realizada a abordagem. A. L. P. tinha em sua posse 01 par de tênis marca Nike, 01 par de tênis marca Beira Rio, 01 calça de moletom e uma calça de abrigo, além de uma sacola contendo aproximadamente 10 kg de carne suína.

O indivíduo é um conhecido da polícia possuindo em sua ficha várias ocorrências de furtos na cidade. Ao ser indagado sobre a procedência do material informou ter furtado os objetos do segundo piso de um prédio no centro da cidade, onde alegou que para furtá-los teve que pular uma grade, escalar uma parede e pular por outra grade.

Diante dos fatos foi dado voz de prisão e feito contato com a vítima, que decidiu efetuar o registro policial sendo as partes encaminhadas a DP para lavratura da ocorrência do crime contra o patrimônio e do flagrante delito. A.L.P, foi internado no sistema prisional gaúcho junto ao Presidio Estadual de Santa Rosa.

*Folha Cidade

BM e Polícia Civil prendem procurada da justiça em Campo Novo

 

 

Foto: BM / Divulgação

Na tarde desta quinta-feira (05/09), por volta das 16h45min uma guarnição da Brigada Militar prendeu uma mulher procurada da justiça em Campo Novo.

A prisão ocorreu no centro da cidade, sendo conduzida para Delegacia de Polícia e posterior ao Presídio Estadual de Três Passos.

#com informações da BM

Rádio Metrópole

Homem é preso por descaminho em Crissiumal

Fotos: BM

Produtos apreendidos em Vila Bender

Na tarde desta quarta-feira (04/09), por volta das 17h, uma guarnição da Brigada Militar prendeu um homem por descaminho na localidade da Vila Bender, interior de Crissiumal.

A prisão ocorreu após abordagem de um veículo  que estava carregado com mercadorias de origem estrangeira. A mercadoria foi apreendida ficando a disposição da Receita Federal do Brasil.

Foram realizadas também nesta tarde, ações da Operação Avante Fronteira Segura, onde foram fiscalizando portos clandestinos, utilizados para contrabando, sendo abordadas pessoas e veículos, visando o combate aos crimes transfronteiriços.

 

#Com informações da BM/Fotos: 7º BPM

Preso suspeito de pelo menos 10 ataques a banco com uso de explosivos e cordão humano no RS

Segundo a polícia, Ivo Francisco dos Santos Assis seria resgatado na cidade de Cristal quando duas mulheres e uma criança foram mortos em tiroteio, em julho

Brigada Militar / Divulgação

Ivo Francisco dos Santos Assis, 43 anos, conhecido como Ganso Baio, foi preso em operação realizada na manhã desta quarta-feira (4) no município de Amaral Ferrador, no sul do Estado. Segundo a polícia, ele era considerado um dos assaltantes de bancos mais procurados do Rio Grande do Sul.

Foragido desde 2012 e condenado a 39 anos de prisão, Ganso Baio é suspeito de envolvimento em pelo menos 10 assaltos com uso de explosivos e de cordão humano. Conforme a investigação, ele seria um dos criminosos que atacou um banco em Dom Feliciano e que seriam resgatados por um grupo que furou barreira policial em Cristal, em julho — quando houve tiroteio e duas mulheres e uma criança morreram.

A ação realizada nesta quarta-feira envolveu mais de 40 agentes da Polícia Federal (PF), Polícia Civil e Brigada Militar. O preso estava com a família em um sítio no interior do município, local que foi alvo de um mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça.

— A instituição (a PF) tem feito um esforço investigativo em relação a organizações criminosas, sobretudo àquelas que atuam com emprego de violência, em razão dos riscos que trazem à população. Ressalto ainda o trabalho integrado com a Brigada Militar e com a Polícia Civil, que tem trazido excelentes resultados, como por exemplo, a operação conjunta deflagrada na manhã de hoje (quarta-feria) — ressalta o superintendente da PF, delegado Alexandre Isbarrola.

Ganso Baio também tinha dois mandados de prisão, um da Delegacia de Roubos do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) e outro por já ter uma condenação. Todos os fatos ligados a ataques a bancos.

Ele também é apontado por envolvimento em roubo a carro-forte e crimes de receptação, furto e porte ilegal de arma de fogo. Em um dos ataques a banco pelo qual é investigado pelo Deic, de 2017, a quadrilha dele explodiu três agências em um mesmo dia em Encruzilhada do Sul, no Vale do Rio Pardo.

Na época, a Polícia Civil informou que ele também era apontado por participação em assaltos nas cidades de Progresso, Pouso Novo, Boqueirão do Leão, Espumoso e Boa Vista do Buricá. Já a condenação é por assalto a banco em Carlos Barbosa, na Serra, em 2012, e por outro roubo em São Sepé, na Região Central.

— A prisão é importante porque o Ganso Baio tem vasto conhecimento nestas práticas delituosas, inclusive sendo um multiplicador destas táticas ao ensinar outros criminosos com o uso de explosivos e em procedimentos com reféns do tipo cordão humano — explica o delegado Sander Cajal, diretor do Deic.

O comandante do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) do Rio Grande do Sul, tenente-coronel Douglas Soares, que participou da ação nesta quarta-feira, diz que o trabalho é uma continuidade do cerco policial feito em conjunto com as outras instituições desde o assalto em Dom Feliciano, em julho.

— Ele estava escondido em um local de difícil acesso e o Bope, que participou das buscas iniciais, manteve o apoio à investigação para prender o foragido — diz Douglas.

Fonte: ZH