Posts

Morre aos 47 anos o roqueiro Júpiter Maçã

Músico começou carreira no TNT e seguia carreira solo desde 1999.

Músico começou carreira no TNT e seguia carreira solo desde 1999 | Foto: Divulgação CP

Músico começou carreira no TNT e seguia carreira solo desde 1999 | Foto: Divulgação CP

O músico Flávio Basso, conhecido como Júpiter Maçã, morreu nesta segunda-feira. O roqueiro que começou carreira no TNT tinha 47 anos. Ele sofreu uma falência múltipla dos órgãos, de acordo com informação passada pelo Instituto Médico Legal à sua produtora.

Em tratamento por conta de uma cirrose e de complicações devido ao uso de drogas, o músico tinha show agendado no Panama Estudio Pub nesta terça-feira. O estabelecimento emitiu uma nota no Facebook. “Comunicamos que o amigo Flávio Basso (Júpiter Maçã) infelizmente nos deixou nessa tarde. Amanhã, ele estaria conosco fazendo uma apresentação aqui no Panama Estúdio Pub. Amanhã vamos estar homenageando esse grande amigo”.

Cantor, compositor, músico e cineasta, Jupiter começou a carreira com o TNT e mais tarde passou para os Cascavelettes. Em 1996, o cantor iniciou a carreira solo. No mesmo ano, trocou seu nome para Jupiter Maçã e lançou o psicodélico disco de estreia “A Sétima Efervescência”. Algum tempo depois, o álbum foi eleito pela revista Rolling Stone como um dos 100 discos brasileiros mais importantes da história.

Mudando o nome novamente para Jupiter Apple, em 1999, ele lançou o delicado e “bossa novístico” “Plastic Soda”. O disco foi premiado pela Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA). Os álbuns seguintes foram “Hisscivilization” (2002) e o bluesy/folky “Bitter” (2007).

Em 2008, Jupiter lançou “Uma Tarde na Fruteira”, no qual estão os hits “A Marchinha Psicótica de Dr. Soup” e “Beatle George”. O single de 2009 “Modern Kid” foi eleito pela revista Rolling Stone como uma das melhores canções do ano. Em 2010, foi a vez de um novo single: “Calling All Bands”, um hino à cultura das bandas pop.

*Correio do Povo

Faleceu o político crissiumalense Dario de Deus

Faleceu na madrugada desta quarta-feira (16), por volta das 5 horas da manhã, em sua casa em Crissiumal o político crissiumalense Dario de Deus.

Dario, tinha 82 anos e nasceu em Crissiumal, foi Vereador em diversas legislaturas, além de ter sido candidato à Prefeito e Servidor Público Municipal na área da Saúde. Ainda foi um grande desportista, tendo atuado como atleta, treinador e dirigente de diversas equipes do futebol amador local, especialmente o Cruzeiro de Lajeado Crissiumal, também tendo sido Treinador do Tupi FC. Também foi músico, tendo animado várias festas na comunidade com a sua inseparável gaita.

Como Vereador, Dario esteve em 4 legislaturas, assumindo o cargo em 31/01/1977 pela ARENA, em 31/01/1983 pelo PDS, em 01/01/1997 pelo PPB e 01/01/2001 também pelo PPB, época em que chegou a assumir o cargo de Prefeito.

Em 2014, Dario de Deus foi homenageado pelo CMD, dando nome a Taça Dario de Deus, que foi o Campeonato Municipal de Veteranos de Crissiumal.

O velório será a partir das 9 horas da manhã desta quarta-feira na Câmara Municipal de Vereadores. O culto será  amanhã as 8:30hs, seguindo logo após para sepultamento no cemitério de Crissiumal

*Guia Crissiumal