Crissiumal possui cinco casos de dengue confirmados pelo LACEN e mais três com confirmação laboratorial

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Informação foi divulgada na tarde desta quarta

O Município de Crissiumal, através da Secretaria Municipal de saúde, trabalha durante o ano inteiro com orientações sobre a dengue. Essas orientações são realizadas pela equipe de Agentes de Combate a Endemias e Agentes Comunitários de Saúde, que efetuam orientações domiciliares, auxiliando na eliminação de água parada e de focos do mosquito Aedes aegypt; realizando, ainda, o LIRA (Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes) três ciclos no ano e LI+T (Levantamento de índice mais tratamento) seis ciclos no ano. No último ciclo tivemos um índice de infestação de 1,25%. Sendo que, o considerado pelo Ministério da Saúde é de até 1% satisfatório, de 1% a 4% é de estado de alerta e acima de 4% é de extremo perigo para epidemia de dengue.

Vale destacar, que as atividades e ações de prevenção à dengue são desenvolvidas pelas equipes durante o ano todo, inclusive na passagem do Fumacê, em casos críticos. Ressalta-se, no entanto, que o Fumacê é um inseticida que não deve ser utilizado indiscriminado, sendo utilizado mais em barreiras sanitárias e bloqueios, após casos suspeitos ou confirmados.

O município atendeu casos suspeitos e realizou coletas laboratoriais, tendo a confirmação, através do Laboratório Central (LACEN), de cinco casos. Sendo, mais três casos confirmados, através de laboratórios particulares do município. Totalizando, com isso, a confirmação laboratorial de 8 casos até o momento em Crissiumal. A última nota informativa do Governo Federal, baseada no Guia de Vigilância em Saúde destaca que: “Após a confirmação laboratorial dos primeiros casos de uma área, os demais casos de dengue podem ser confirmados por critério clínico, exceto casos graves, que devem ocorrer preferencialmente por critério laboratorial”. Ou seja, somente casos graves o laboratório LACEN que é a referência SUS está aceitando; caso o paciente não esteja hospitalizado, não deverá ser encaminhado coleta de exame.

“Acreditamos que possam ter ocorrido mais casos, mas que pelo fato da pessoa apresentar sintomas leves e não ter procurado a Unidade de Saúde; não foi notificado. A dengue é um vírus que veio pra ficar, pra conviver conosco, então temos que ter cuidado o ano inteiro, eliminando a água parada e focos do mosquito”.

 

Suelen Cocco- Secretária Municipal de Saúde de Crissiumal

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.