HCC apoia campanha Outubro Rosa

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Ações com funcionários vão marcar os cuidados com a saúde da mulher

Foto: Neila Daronco

 

Na década de 1990, nasce o movimento conhecido como Outubro Rosa, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações sobre o câncer de mama, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

O Hospital de Caridade de Crissiumal, por meio de sua Diretoria, Administração e a equipe do Grupo de Trabalho Humanizador, apoia a campanha Outubro Rosa e para lembrar a todos sobre a importância desses cuidados, está iluminado de rosa, a cor- símbolo dessa Campanha.

Além disso, internamente, o Grupo de Trabalho Humanizador vai orientar e auxiliar funcionários, especialmente as mulheres, sobre os cuidados para prevenir o câncer de mama e os cuidados para manter a saúde da mulher, com destaque também para o exame preventivo de Colo do Útero. “Queremos nos aproximar de nosso grupo de colaboradores, bem como as esposas de nossos funcionários para que se lembrem de ter um tempinho para cuidar da saúde, de realizar os exames de prevenção e acompanhamento, pois todo o diagnóstico precoce é uma importante ferramenta no combate às doenças”, comentou a presidente do GTH, assistente social TacianeGehlen.

Durante a Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho, a médica ginecologista Letícia de Abreu também destacou a importância sobre os cuidados com a saúde da mulher, perante encontro realizado entre os funcionários do HCC.

Vale lembrar que o câncer de mama não tem somente uma causa. A idade é um dos mais importantes fatores de risco para a doença (cerca de quatro em cada cinco casos ocorrem após os 50 anos). Entretanto, outros fatores que aumentam o risco da doença, podem ser observados:

Fatores ambientais e comportamentais:
·         Obesidade e sobrepeso após a menopausa;·         Sedentarismo (não fazer exercícios);

·         Consumo de bebida alcoólica;

·         Exposição frequente a radiações ionizantes (Raios-X).

Fatores da história reprodutiva e hormonal
·         Primeira menstruação antes de 12 anos;·         Não ter tido filhos;

·         Primeira gravidez após os 30 anos;

·         Não ter amamentado;

·         Parar de menstruar (menopausa) após os 55 anos;

·         Uso de contraceptivos hormonais (estrogênio-progesterona);

·         Ter feito reposição hormonal pós-menopausa, principalmente por mais de cinco anos.

Fatores genéticos e hereditários*
·         História familiar de câncer de ovário;·         Casos de câncer de mama na família, principalmente antes dos 50 anos;

·         História familiar de câncer de mama em homens;

·         Alteração genética, especialmente nos genes BRCA1 e BRCA2.

Fonte: INCA

Fonte: Neila Daronco

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.