Posts

Mulher assume visual com barba e garante: “Me sinto feminina, sexy e sensual”

Rose Geil, 39 anos, assumiu aparência natural há oito meses e afirma estar melhor do que nunca
19374829

Foto: Facebook / Reprodução / Reprodução

Pelo é coisa de homem? Não. Quem garante isso é Rose Geil, 39 anos, que vive em Oregon, nos Estados Unidos. Desde os 13 anos ela convive com barba, pelos nos braços, pernas, peito e costas.

Ao jornal britânico Daily Mail, ela disse acreditar que seu problema tenha relação com a Síndrome do Ovário Policístico, ligado a fatores genéticos. No entanto, nenhum diagnóstico médico comprovou sua tese.

11054810_10204339500478779_9214486379487659751_n

Rose contou à publicação que, no início, foi difícil encarar a diferença que tinha para o restante das meninas da mesma idade. Durante muito tempo, admite ter feito a barba e tapado os locais que ficavam visíveis os pelos.

Chegou a fazer procedimentos com laser, que foram ineficazes, e foi a vários médicos, a fim de descobrir o que provocava o crescimento dos pelos por todo o corpo. Contudo, os tratamentos com pílulas anticoncepcionais e outros medicamentos que visavam alterar sua produção hormonal foram ineficientes.

12079335_10204529101778693_6546151087223894423_n

Há oito meses, porém, resolveu assumir o visual com barba. Agora, garante estar muito mais confiantes e melhor consigo mesma.

— Me sinto muito bem com a minha barba, como eu nunca me senti antes. É uma sensação incrível ser eu — disse.

Depois de expor sua história na internet, afirmou ao Daily Mail ter recebido muito apoio de pessoas por todo o mundo. Até mesmo pedidos de casamento foram recebidos por ela, que não descarta as novas possibilidades:

— Eu definitivamente me sinto feminina, sexy e sensual. Me sentir feminina tem muito pouco a ver com a minha aparência, se trata da minha atitude.

Fonte:Daily Mail/Diário Gaucho

Banrisul garante que liberação de financiamento do 13º ocorre sem restrições

Liminares obrigaram o banco a pagar o benefício a policiais civis sem impor condições

thumb.aspx

Liminares obrigaram o banco a pagar o benefício a policiais civis sem impor condições | Foto: Alina Souza / CP Memória

O Banrisul garante que não há mais nenhum tipo de impedimento e que todos os servidores que recorrerem ao banco para obter linha de financiamento correspondente ao 13º salário vão receber. Segundo a instituição financeira, a liberação ocorre inclusive para quem está com dívidas pendentes – para quem o valor não era liberado antes de uma renegociação.

Dois sindicatos ligados à Polícia Civil conseguiram liminares obrigando o pagamento a todos os policiais representados, independentemente de qualquer tipo de pendência com o Banrisul. No dia 18, o banco confirmou que a negociação de dívidas com o banco era condição para o servidor ter acesso ao financiamento do 13º. A restrição não ocorreu para quem tinha parcelas a pagar não vencidas, mas sim para quem já era considerado inadimplente.

O banco havia justificado que o valor correspondente ao 13º representa mais uma linha de crédito. Por isso, a necessidade de o servidor estar adimplente. Hoje, questionado pela reportagem, o banco respondeu que não há mais impedimentos: “Informamos que não há mais nenhuma pendência em relação ao 13º salário”.

Fonte: Correio do Povo