Temporal derruba postes, destelha casas e causa uma morte no RS

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Em Coxilha, vendaval derrubou árvores e causou estragos Vanderlei Piva / Arquivo Pessoal

Um vendaval atingiu municípios do Interior do Rio Grande do Sul entre a noite de segunda-feira (11) e a madrugada desta terça-feira (12). Há relatos de casas destelhadas e postes caídos em cidades do Vale do Caí, da Serra, da Região Central e do Norte gaúcho — onde o temporalcausou uma morte no pequeno município de Ciríaco.

A morte do morador ocorreu na área rural de Ciríaco. De acordo com familiares, o vento forte derrubou a casa de madeira em que José de Arquiles morava. Ele foi levado por parentes até o Hospital São José, em David Canabarro, onde não resistiu aos ferimentos. De acordo com o laudo médico do hospital, a vítima sofreu politraumatismo no corpo e fratura no crânio. A idade dele não foi revelada.

Conforme o vice-prefeito de Ciríaco, Odacir Melo, o município está sem luz e teve postes e árvores derrubados.

— Nós mobilizamos nossas equipes agora no amanhecer para ter noção do ocorrido. A situação é horrível — resumiu.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil estadual no Norte do Estado, major Ricardo Mattei Santos, há também uma pessoa ferida no município de Água Santa — um dos mais atingidos da região. Também há informações sobre estragos pontuais em Coxilha, Mato Castelhano, Gentil, Vila Lângaro e Victor Graeff. Segundo a Defesa Civil, houve vento forte na tarde de segunda e novamente na madrugada desta terça.

Também há relatos de estragos em Sarandi, onde houve temporal com granizo na noite de segunda. Segundo a Defesa Civil, o fenômeno começou por volta das 20h e danificou o telhado de diversas casas. As vilas Santa Catarina, Santa Gema, Vicentina e Esperança estão entre as regiões mais afetadas pela chuva de pedra. Até o momento, o órgão não contabilizou o número de imóveis afetados.

Em Santa Rosa, no Noroeste gaúcho, o Corpo de Bombeiros contabiliza ao menos 50 casas destelhadas por causa do granizo. O fenômeno atingiu a região por volta das 4h. A região mais afetada na cidade fica na área rural, nas localidades conhecidas como Campo de Aviação, Lajeado Faxinal e Rincão Rolim. Cidades vizinhas, como Porto Lucena e Porto Xavier, também tiveram problemas com o granizo.

Em Tupanciretã, na Região Central, a Defesa Civil confirmou 40 casas destelhadas por causa do vento. Os outros municípios com relatos de estragos são Bom Princípio e São José do Hortêncio, no Vale do Caí, Tupandi, na Serra e Salvador do Sul, no Vale do Taquari.

Fonte: Gaucha ZH

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.